O amor a 27 estrelas

Espero que “o ditado de que a voz do povo é a voz e vontade de Deus se concretize”, o povo pediu, acreditou, gritou, para que o governo se mantivesse em constante mudança, diga-se de passagem, nos últimos oito anos é nítido esse movimento de boas novas, principalmente para tantos em comum que apenas sonhavam com as oportunidades que vêem se tornando cada vez mais iguais para todos.

Digo isso, pois, nos tempos de hoje, claro que em qualidade e quantidade menores, vemos os sempre considerados “classe de baixa renda”, adquirindo sonhos distante como o primeiro carro (mesmo que velhinho), a casa própria (mesmo que financiada em anos e anos), a viagem para uma praia em outro estado ou até mesmo para outro pais, e de avião meus caros (mesmo que paga e planejada em 10 vezes), essa classe deixou de viver com o básico, e hoje goza do necessário para de fato conhecer as coisas boas da vida.

Já me era sabido que seria assim, pois desde a outra eleição, onde de certa forma nos despimos de preconceitos históricos e colocamos no poder, para presidente dessa Republica Federativa chamada Brasil, um nordestino, pobre, sem discursos com palavras difíceis, sem frases feitas e de efeito para tratar de assuntos necessários e coletivos, sem diploma universitário, sem uma segunda língua, sem tantas coisas que tantos outros presidentes e a sociedade sempre acreditou ser primordial para um bom governante.

Historicamente comparando o ainda presidente Luiz Inácio Lula da Silva com os demais, vemos que ele não deixa nada a dever a outros grandes nomes da política brasileira, que consistentemente contribuíram para o desenvolvimento dessa nossa pátria tão amada.

O senhor Lula deixara a presidência aplaudido de pé por quase 70 por cento da população, não é exagero de minha parte lhes dizer isso, pois este é o índice de aprovação que os institutos de pesquisas nos mostram.

Deixando de lado índices de pesquisas, e demais números que nada traduzem sentimentos, compartilho com vocês, meus leitores, o que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, deixara em mim, e acredito que em todos que também aprovaram com louvor seus oito anos de governo.

Permanecera em mim mais uma prova de que o impossível deixa de existir a partir do momento em que se luta com fé, paixão, razão, determinação e coragem, quando se luta pelo bem, não somente para si próprio, mas especialmente para todos, fica a frase que ele utilizou ao conquistar o primeiro certificado de sua vida: “Eu, que tantas vezes fui acusado de não ter um diploma superior, ganho o meu primeiro diploma, o diploma de presidente da República do meu País”, fico com o seus olhares rasos d água e a face preocupada a cada vez que sentia estar fazendo pouco, diante dos muitos problemas sociais que ainda vemos latentemente em nossas ruas, calçadas, escolas, hospitais, etc. Fica em mim a cabeça erguida para um mundo inteiro diante da afirmação vinda daquele que é considerado o homem mais poderoso do mundo de que o nosso tão conhecido, humilhado, e jogado para escanteio nas urnas por tantos anos: Lula, “é o cara”.

A forma a “la brasiliana” de amenizar um “problemão” dizendo: (acredito eu com o coração cheio de medo) que toda uma crise financeira mundial nos atingiria com o efeito de uma “marolinha”; o pagamento de uma divida ao FMI, considerada impagável, quitada, hoje somos nos que emprestamos dinheiro.

O jeito alegre, o sorriso largo e confiante, as metáforas que tantas vezes lhe serviu como motivo de chacota por parte de uma imprensa feita para a sociedade elite que nada sabe, ou melhor, que se quer busca compreender que o melhor para todos, não necessariamente agradara os poucos que se acham muito, e não estão nem ai para nada a não ser para o próprio umbigo.

O amor não a uma estrela vermelha, mas a exatas 27 estrelas que iluminam nossa bandeira, e representam uma nação que com choro e emoção acompanhara por suas mãos a entrega de sua pátria, no dia 1 de janeiro de 2011, a mãos que prometeram continuar sua missão por mais quatro ou quem sabe oito anos, com o mesmo coração cheio de paixão, força, luta e amor por essa nação que lhe agradece, lhe aplaudi, e senti-se orgulhosa de ter podido conhecer um político verdadeiro, sonhador e realizador de tantos sonhos de todos.

Vossa Excelência Luiz Inácio Lula da Silva, eu quero lhe agradecer, dizendo que sentirei saudades de tudo o que o senhor junto a mim, mesmo sem saber, sonhou e realizou para tantos brasileiros. O meu muitíssimo obrigado.

D.S.L

* foto extraida do site wikipedia

Anúncios

Autor: ela...

Elaine. Ela. Helena. 17. Setembro. Há alguns anos atrás. Ascendente em peixes. Brasil. Santista de nascimento. Baiana de descendência. Mineira de coração e endereço. Muitas e de muitos tamanhos. Letras, palavras, frases. Nossa Senhora Aparecida. Família. Música. Sol. Brisa. Luar. Prefiro mar. Branco. Tenho uma irmã mais nova. Minha maior paixão tem mais de 100 anos. Abraço. Meu pensamento é hiperativo. Tenho os melhores amigos. Cometo ao menos um erro todos os dias. Converso com Deus. Já mudei de emprego três vezes, já mudei de vida outras varias. Por do sol. Não faço nada sem dois ingredientes: paixão e entusiasmo. Primavera. Beijo. Horizonte. Esperança. Cinema, quadros, composições. Já machuquei quem não merecia. Olhar. Exagerada e sensível. Carente. Bagunceira. Transparente. Meu primeiro livro publicado e grande orgulho: Quando Florescem as Orquídeas. Tenho um blog e uma coluna semanal em um jornal do interior. No mais sou abençoada. Sei dizer apenas que tudo passa!E que eu sou bem feliz! D.S.L

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s