O maior amor do mundo

Dizem que todas são iguais e só mudam o endereço, que são anjos enviados por Deus para cuidar, proteger e amar, e que ao perdê-las sentimos uma solidão e uma saudade sem fim, elas nos sentem desde o primeiro momento, mesmo sem exames, ou qualquer outro artifício cientifico.
Às vezes acho que elas têm super-poderes, pois são as primeiras a saber de tudo, não há como engana-las: se estamos tristes elas sabem, com alguma preocupação adivinham o motivo, sabem quando estamos com fome, sabem de tudo, até quando vai chover, parecem ter visão de raio x.
Estão sempre dispostas a acolher, a estender os braços como se ainda fossemos recém-nascidos e por não reconhecer nada ao redor choram, elas nos abraçam como se tivessem asas nos envolvendo de uma certeza que não estamos sozinhos, então paramos de chorar, e é assim por toda vida, nos braços delas não à choro que se prolongue nem dor que não passe, é como se tivessem o poder de nos deixar serenos, envoltos em uma energia revigorante, que nos acalenta como as mãos do próprio Deus.
São as únicas que nos amam com todos os defeitos que temos, mesmo que não concordem com nada que dizemos, sentimos ou pensamos, continuam ali, amando sem aceitar, querendo nos ouvir mesmo sem compreender, incondicionalmente; sem limites.
Lutam para que não nos esqueçamos delas quando crescidos, lutam em vão, pois é impossível esquecer desse amor que não precisamos conquistar, nasce conosco, é o primeiro presente que a vida nos dá, o primeiro alicerce, a base que nos acompanha nos primeiros passos.
Elas são completamente loucas por nós, não nos dão a vida apenas no nascimento, mas sim todos os dias, todas as horas, carregam o olhar com um brilho de paixão quando nos olham, é como se estivessem a observar a coisa mais linda e incrível do mundo. São nossas fãs, mesmo que a platéia esteja vazia, elas estarão lá nos aplaudindo de pé a cada vitória, e nos auxiliando a prosseguir a cada queda.
Guardam nossos desenhos (rabiscos) de infância e acreditem: elas olham eles vez em quando e acham a mesma graça, ficam emocionadas com as homenagens, as musiquinhas que aprendemos a cantar, as apresentações nunca as cansam, guardam-nas por toda vida.
Nos ensinam que a vida não é fácil, mesmo desejando que para nos ela seja, nos ensinam que não podemos desistir, não nos deixam cansar.
Pertencem um sorriso que nos faz crer que tudo dará certo, em meio a uma tempestade acalmam nos fazendo acreditar que o amanha será de paz.
Queria ser criança novamente e lhe dar um desenho, ou cantar uma musiquinha que lhe enchesse de emoção, não queria te ver sofrer por nada, alcançar todas as suas expectativas, e apagar as vezes que lhe fiz chorar, ser tudo aquilo que você sonhou, e lhe conceder tudo o que a vida não pode lhe dar.
Quero ser melhor, pois você me deu o maior amor do mundo, o qual me ensinou a amar.
D.S.L

Anúncios

Autor: ela...

Elaine. Ela. Helena. 17. Setembro. Há alguns anos atrás. Ascendente em peixes. Brasil. Santista de nascimento. Baiana de descendência. Mineira de coração e endereço. Muitas e de muitos tamanhos. Letras, palavras, frases. Nossa Senhora Aparecida. Família. Música. Sol. Brisa. Luar. Prefiro mar. Branco. Tenho uma irmã mais nova. Minha maior paixão tem mais de 100 anos. Abraço. Meu pensamento é hiperativo. Tenho os melhores amigos. Cometo ao menos um erro todos os dias. Converso com Deus. Já mudei de emprego três vezes, já mudei de vida outras varias. Por do sol. Não faço nada sem dois ingredientes: paixão e entusiasmo. Primavera. Beijo. Horizonte. Esperança. Cinema, quadros, composições. Já machuquei quem não merecia. Olhar. Exagerada e sensível. Carente. Bagunceira. Transparente. Meu primeiro livro publicado e grande orgulho: Quando Florescem as Orquídeas. Tenho um blog e uma coluna semanal em um jornal do interior. No mais sou abençoada. Sei dizer apenas que tudo passa!E que eu sou bem feliz! D.S.L

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s