“Dormir contigo é escutar Gal e Tom…”

As vezes eu me pego pensando o quanto era bom quando o mundo éramos nós…
Outro dia me vi abrindo as fotos que declaravam o quanto fomos felizes.
Sem querer, sem pensar, muitas vezes sou obrigada a lembrar de você pela manha quando desperto sonhando contigo.
Eu não te amo mais, sei que saudades não é amor, mas tudo que foi tão bom e passou parece teimar em não querer voltar.
Na verdade eu sinto saudades de amar; e te amar, por mais que ao final eu tenha sofrido, foi imensamente bom, por isso hoje eu te dedico essas frases talvez um tanto quanto sem sentido, pra dizer a essa minha saudade o quanto guardo vivo o teu bem querer.
A lembrança que me enche os olhos, são das manhas amanhecidas contigo, a tua cara de bravo, o beijo ainda adormecido de olhos fechados, teu corpo colado no meu, amanhecia perguntando-me quem era eu e quem eras tu, pois éramos náufragos de uma madrugada não dormida, somente adormecida quando o corpo não mais acompanhava nossas almas que desde o primeiro encontro não souberam mais como caminhar sozinhas.
Sinto falta de como riamos do mundo todo que parecia tolo, quando restávamos nós, entre nós.
O banho no chuveiro, a tua cara de assustado, tímido, as tuas poucas palavras, o modo como amava-me sussurrando em mim, dentro de mim o quanto me desejava.
Os teus olhos de por de sol…
A tua impaciência diante da minha tolerância, teu dom de ser melhor que todo mundo, ao menos pra mim, por aqueles momentos que foram eternos eras a melhor pessoa do universo.
Tua calma diante da minha necessidade de ter você, tua euforia contida cada vez que eu chegava, as tuas lagrimas escondidas cada vez que eu partia, os teus beijos silenciosos em cada despedida.
Tua pouca idade que a tudo e a mim amedrontava.
Sinto saudade dos nossos planos; Pimenta e Baleia… Das coisas nossas guardadas naquele baú que iríamos ter em nossa casa.
Tudo o que você não sabia dizer e sem noção do que estava a fazer tentava demonstrar.
Sei fui eu o teu primeiro amor, sei fui o teu primeiro pranto, sei eu fui o teu primeiro grande arrependimento.
Jamais cobre, que eu te olhe como se nada houvesse acontecido, é impossível, pois em mim estará guardado sempre o doce dos teus beijos, o cheiro do teu abraço, o bom do teu amor.
Jamais relute em amar novamente, pois o teu sempre “pra sempre” precisa um dia realizar-se, mesmo não sendo eu, seja eterna para alguém, não deixando apenas uma mente cheia de brilho e lembranças, como as que tenho hoje em mim, nesta tarde de inverno, em busca de flores que perfumem novamente uma nova primavera.
D.S.L
*Titulo em menção da musica Mal de mim composta por Djavan

Anúncios

Autor: ela...

Elaine. Ela. Helena. 17. Setembro. Há alguns anos atrás. Ascendente em peixes. Brasil. Santista de nascimento. Baiana de descendência. Mineira de coração e endereço. Muitas e de muitos tamanhos. Letras, palavras, frases. Nossa Senhora Aparecida. Família. Música. Sol. Brisa. Luar. Prefiro mar. Branco. Tenho uma irmã mais nova. Minha maior paixão tem mais de 100 anos. Abraço. Meu pensamento é hiperativo. Tenho os melhores amigos. Cometo ao menos um erro todos os dias. Converso com Deus. Já mudei de emprego três vezes, já mudei de vida outras varias. Por do sol. Não faço nada sem dois ingredientes: paixão e entusiasmo. Primavera. Beijo. Horizonte. Esperança. Cinema, quadros, composições. Já machuquei quem não merecia. Olhar. Exagerada e sensível. Carente. Bagunceira. Transparente. Meu primeiro livro publicado e grande orgulho: Quando Florescem as Orquídeas. Tenho um blog e uma coluna semanal em um jornal do interior. No mais sou abençoada. Sei dizer apenas que tudo passa!E que eu sou bem feliz! D.S.L

2 comentários em ““Dormir contigo é escutar Gal e Tom…””

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s