Sorria!Você esta sendo filmado!

Estou triste, não sei bem porque, mas confesso: estou triste e não saber porque não tem haver com banalidade ou futilidade, tem haver com tudo o que a gente vai acumulando, uma bronca aqui, uma saudade ali, uma frustração acolá, algo que não dá certo mais que a gente deixa passar, porque não se pode parar, é preciso caminhar, mesmo sem saber ao certo pra onde. E um dia, assim meio de repente, quase sem querer a gente acorda com os olhos molhados, ou começa a chorar ainda sem despertar porque sonhou com alguém que não vai voltar, ou com aquilo que esta distante de acontecer, daí nos olhamos no espelho e sentimos ainda mais vontade de chorar, pois há dias em que a própria cara entristece, olhar miúdo, esquecido, alma e cara cansada.
Eu quero desabafar, mas se eu chorar alguém pode escutar e chorar também. Quando alguém chora por nós a tristeza aumenta, por isso é melhor não chorar, pelo contrario é melhor sorrir, mas não é todos os dias que eu consigo sorrir e fazer graça como o palhaço do circo que passa, talvez se eu pintasse a cara como o palhaço eu escondesse no riso a tristeza que sinto. E então fingiria: fingiria não sentir saudades, não sentir falta, não sentir medo, não sentir dor, fingiria não esperar pela carta que não chegou, pelo telefone que não tocou, pela visita que não veio, pelo convite que não foi feito, fingiria que não faz diferença.
A tristeza não é pra sempre, pode durar uma semana, uma hora, um minuto e então saímos pelo mundo, e olhamos pro sol, pro dia, pra vida, pra criança que nos viu passar de cabeça baixa e sorriu, pro velhinho que caminha lento e diz: “bom dia!”, pro passarinho que canta, pra arvore que dança, pra foto que o tempo não conseguiu modificar, pro pote de ouro depois do arco-íris, anjos, arcanjos, querubins que a gente não vê mas sabe que de certa forma existem e pra todas as outras coisas que nos faz, mesmo sem querer sorrir e acreditar que este ainda é o melhor remédio, ou talvez o único.
Sorria!(você está sendo filmado).

D.S.L

Anúncios

Autor: ela...

Elaine. Ela. Helena. 17. Setembro. Há alguns anos atrás. Ascendente em peixes. Brasil. Santista de nascimento. Baiana de descendência. Mineira de coração e endereço. Muitas e de muitos tamanhos. Letras, palavras, frases. Nossa Senhora Aparecida. Família. Música. Sol. Brisa. Luar. Prefiro mar. Branco. Tenho uma irmã mais nova. Minha maior paixão tem mais de 100 anos. Abraço. Meu pensamento é hiperativo. Tenho os melhores amigos. Cometo ao menos um erro todos os dias. Converso com Deus. Já mudei de emprego três vezes, já mudei de vida outras varias. Por do sol. Não faço nada sem dois ingredientes: paixão e entusiasmo. Primavera. Beijo. Horizonte. Esperança. Cinema, quadros, composições. Já machuquei quem não merecia. Olhar. Exagerada e sensível. Carente. Bagunceira. Transparente. Meu primeiro livro publicado e grande orgulho: Quando Florescem as Orquídeas. Tenho um blog e uma coluna semanal em um jornal do interior. No mais sou abençoada. Sei dizer apenas que tudo passa!E que eu sou bem feliz! D.S.L

Uma consideração sobre “Sorria!Você esta sendo filmado!”

  1. Sorrir, é um verbo inconstante de instantes, nem sempre se pode sorrir com a alma e o coração carregados”Esvazeia”escrevendo, pois assim faz outras pessoas como eu se encherem de motivos para sorrir!!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s